7.5.08

(Des)vendando o meu signo

Ahá!!!! Pois é, dias atrás postei um diálogo infame por aqui, em que uma pessoa mais infame ainda me perguntava o meu signo. Aí várias pessoas perguntaram o mesmo, e aí está. Sim, sou de peixes, mas durante os 28 anos da minha vida nunca tinha parado pra ler essas coisas sobre os signos. Eu nunca acreditei nisso, sempre fui crítica demais pra tudo. Costumo dizer que meus pais devem ter errado na minha educação. Nem o Papai Noel me enganou por muito tempo. Então fui lá no Terra e li sobre mim mesma. Aí está o texto que li, com as devidas ressalvas em vermelho.

PEIXES

O último signo do zodíaco mistura uma pitada de cada um dos onze anteriores - a infantilidade de áries, a sensualidade de touro (sensual, eu?), a suscetibilidade de câncer, a maleabilidade de gêmeos (mentira, sou teimosa), a magnanimidade do leão, a acuidade de virgem, o mimetismo de libra, a sagacidade do escorpião, a benevolência de sagitário (não constumo ser benevolente, não), uma certa reserva própria de capricórnio e uma tendência a desligar típica de aquário (desligar é comigo mesmo). Com tantos atributos contraditórios somados numa só pessoa, o peixes só poderia ser o que é: um tímido.

Nem um replicante conseguiria exprimir essa coisa toda, e o peixes desiste de se fazer entender antes mesmo de começar, refugiando-se no mais seguro mundo da fantasia, onde toda incongruência é bem-vinda (Por favor, me avisem como chegar nesse mundo de fantasia. Estou precisando tirar os pés do chão mesmo). Um peixes introspectivo, portanto, é praticamente um pleonasmo. Ele prefere comunicar-se com aquele olhar vago e enternecedor, seguido de gestos doces e delicados, completados por um único comentário extremamente sensível (Não acho meus comentários sensíveis. Pelo contrário.). Peixes, como escorpião, é um signo que saca tudo de cara - uma espécie de detector de mentiras ambulante, o que provavelmente contribui para acentuar seu ar melancólico. Ao contrário do escorpião, porém, que saca e corta a bola imediatamente, os piscianos vacilam na hora de reagir. Um peixes pode intuir que o camarada ao lado é um perfeito patife, mas nada, em seu sistema imunológico, o leva a proteger-se adequadamente. Talvez porque, ao contrário de escorpião, peixes enxergue sob a superfície de todo patife um ser tão desprotegido quanto ele e o restante da humanidade. Ou porque, no fundo, não se abale muito com as patifarias alheias (Mentira. Sou uma idiota que confia em quase todo mundo. Aí sempre me dou mal por isso.)

Peixes é o símbolo do cristianismo (cristianismo, logo eu?), e sua palavra de ordem é transcender. Não deixa de ser uma boa política: já que as barbaridades que sua intuição constantemente pesca por aí não tem muito jeito nem conserto (como a educação), ele prefere fechar os olhos e passar batido (às vezes, só às vezes, gostaria de conseguir passar batido pelo problema da minha profissão, por ex. Mas continuo me matando). A única ressalva é que esta política de resistência passiva às vezes só funciona entre os acólitos do sr.Ghandi, e não com o taxista que o rouba na corrida, o sócio que o rouba no escritório e o melhor amigo que lhe roubou a mulher. Como a natureza poética de peixes, contudo, lhe permite sublimar a vontade, estas bobagens do dia-a-dia não o atingem muito (Atingem sim, e como.). Ele pode se safar da condição de vítima pintando, compondo ou pondo em versos toda esta chateação (Só sei escrever aqui, nunca fiz nada além. Artisticamente, sou um erro.). Com seu talento natural, terá uma carreira arrasadora. No ramo da fantasia, peixes será sempre the best (Só se for fantasia erótica.).

Devido à sua extrema sensibilidade, o pisciano tende a ouvir demais aos outros, o que é péssimo, pois vão estar sempre diagnosticando torto seus males, e recomendando remédios mais fatais que a doença (Aí eu concordo. As pessoas me procuram aos montes pra contar todo o tipo de coisa, e ainda reclamam quando dou minha opinião. Pra mim chega).

Que falta do que fazer... Pra ler ouvindo O Segundo Sol, versão da Cássia Eller.

7 comentários:

F. S. Júnior disse...

dizem que eu sou peixes com ascendente em escorpião...rs

John Doe disse...

ok, pelo visto a sua vocação com o zodiaco vai tão longe quanto a minha...

sou de peixes tb, eu acho, e cheguei a conclusão de que devia ter assistido mais cavaleiros do zodiaco quando era mais novo... hauahuahaua... provavelmente deve ter uma explicação melhor por lá huhauahauhua...

Lola disse...

Uma vez, um professor, numa certa aula de arquetipos, me disse que Peixes era o signo mais louco do Zodiaco. Eu repliquei, porque tenho um airma pisciana e ela era muito certinha. Ai, ele disse: quando o pisciano conhece seu potencial de loucura se reprime ao maximo, mas um dia...
Beijos

Mike disse...

grande bel, post revelador...
vamos lá
tb sou de peixes e tb tenho 28 anos
sou bastante crítico, mas tenho tentado reverter este lance, relaxar mais e ser menos crítico
nunca fui apegado a signos, mas até acredito em algumas coisas
pq sou um típico pisciano: vivo no mundo da fantasia, ainda q por vezes este seja demasiado real
sou tímido, mas tentando mudar
introspectivo, sim
ar melancólico, sim
"sacador" de mentiras, sim
hehehehehhe
q mais?
vacilar na hora de reagir? sim
proteger-se dos patifes? jamais!
enxergar no patife um ser desprotegido? sim
hahaahah
muito divertido isso
cristianismo? NÃO
transcendência? talvez!
meio alienado? sim
busca de fuga na arte? sim
reino da fantasia? SIM!!!!!!
ouvir demais aos outros? sim

bel, me diverti horrores com teu post... como deu pra perceber, sou um pisciano nato!!!!
heheheh

grande abraço

Paloma disse...

Adorei o post! Tenho uma mãe pisciana que cabe direitinho na descrição! Muito divertido!

Mila disse...

Eu já fui mais ligada nessas coisas de signos e talz.
Por causa da minha época "esotérica", sei que sou touro, com a lua em aquário e ascendente em gêmeos.
A questão da sensualidade ligada ao meu signo é uma coisa que eu nunca entendi muito bem. Sempre me julguei a mais unsexy de todas as mulheres. rs
Uma coisa que eu já ouvi em relação aos signos é que a ordem deles no horóscopo (começando por áries e terminando em peixes) diz sobre a escala evolutiva das almas.
Ou seja, quem é de peixes é mais evoluído espiritualmente do que quem é de áries.
Sendo assim, eu ainda tenho mais 10 signos pela frente.
=/

Messas disse...

Bom, eu sou de peixes também, vejo que o simbolo de nosso signo é o de dois peixes em direções opostas, acho que isso representa essa nossa dualidade, que é uma necessidade de viver em dois mundos... dos sonhos e fantasias tiramos inspirações para viver no mundo real. Acho que a gente tem que tomar cuidado ao fugir de problemas, porque a fuga é um de nossos defeitos, mas com ajuda do nosso ascendente ou lua, que são parte da nossa personalidade também, podemos usalos em momentos propicios, eu tenho a lua em aries, eu costumo ser calmo e não entrar em discussão, mas as vezes assusto amigos e familiares na hora de abraçar uma causa, mas como o signo de peixes, sendo extremamente justo, caso contrario eu me arrependo logo depois...